Sem o renda Brasil governo pode prorrogar auxilio emergencial pela segunda vez. Veja:

portal news 05 29/07/2020 Relatar Quero comentar

O governo já trabalha internamente com a possibilidade de ter de prorrogar pela segunda vez o auxílio emergencial de R$ 600 pago a trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs). O benefício foi criado em abril para ajudar as pessoas que perderam renda durante a pandemia.

Lideranças parlamentares informaram ao governo que, enquanto não houver a definição sobre o novo programa de renda mínima que vai substituir o auxílio emergencial, o auxílio terá de continuar a ser pago pelo governo. Caso contrário, a tendência é que o próprio Congresso aprove um projeto prorrogando até o fim do ano a ajuda de R$ 600.

RENDA BRASIL 

O Renda Brasil vai ter como público-alvo os brasileiros que hoje recebem o Bolsa Família (cerca de 20 milhões de pessoas) e também a parcela de baixa renda e sem emprego que está recebendo o auxílio emergencial. Dados preliminares estimam que cerca de 30 milhões de pessoas vão receber o Renda Brasil. O benefício terá um valor maior que a média hoje do Bolsa Família, que é de R$ 200 por mês e por lar.

 

Comentário do usuário
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.