Luto: Cantor sertanejo morre vítima da covid-19, dias depois de perder dois familiares pela doença

Rick Ferreira 20/07/2020 Relatar Quero comentar

O cantor  Léo Marrone, nome artístico de  Leozimar Rodrigues Cavalcante, morreu vítima de COVID-19 no último domingo (12). O sertanejo, que era considerado o “Novo  Marrone“, impressionava com sua voz e semelhança ao cantor  Bruno, 

, Léo Marrony morreu de COVID-19 na cidade de Barra do Garças, localizada no interior do estado de Mato Grosso. O cantor de 37 anos tinha procurado a Unidade de Pronto Atendimento da cidade e estava em observação desde o último dia 6, mas sua situação piorou devido à diabetes e Léo precisou ser internado em uma UTI.

A família do sertanejo já vinha sofrendo um grande drama com a pandemia, que já fez várias vítimas: seu sogro e sogra também foram vítimas do novo coronavírus e morreram, e sua esposa, Zuleica, encontra-se internada após ser infectada, mas agora está sedada após a notícia da morte do marido.

Leozimar ficou conhecido como Léo Marrone pela sua semelhança com o cantor Bruno, tanto física quanto na voz, além de ser fã da dupla sertaneja. O cantor deixa vários fãs na cidade de Barra do Garças, onde era muito querido e constantemente fazia shows locais. As redes sociais do sertanejo encheram de mensagens de luto e demonstrações de apoio para sua família.

Assim como Léo, seus ídolos, Bruno e Marrone, também foram infectados e testaram positivo para a COVID-19. Enquanto Bruno revelou que “curou a doença com cachaça”, Marrone . 

Comentário do usuário