PC Siqueira agradece 'quem não virou as costas para mim' e diz que canal no YouTube voltará

Filomena 24/06/2020 Relatar Quero comentar

 O influenciador digital PC Siqueira, usou seu Instagram na noite deste domingo (21) para agradecer aos seus amigos e a quem "não virou as costas para mim nesse momento bizarro".

Em um breve texto, ele afirma que seu canal no YouTube está apenas desativado, e não excluído. "Volto com ele e com os vídeos depois que esse pandemônio passar", disse.

Já seu perfil no Instagram, que se tornou privado na última terça (16), havia sido temporariamente bloqueado por motivos que PC não soube explicar. O perfil já está novamente aberto ao público.

Antes de finalizar o desabafo, o influenciador disse que "aos que estão se deliciando esperando meu suicídio, ser estuprado ou morto, a vida é um pote de ambrósia, só que no final do pote, tem merda".

PC Siqueira está sendo investigado em um suposto caso de compartilhamento de pornografia infantil. A informação é da própria Secretaria da Segurança Pública de São Paulo, que afirma que o caso segue em investigação pela 4ª Delegacia de Proteção à Pessoa, do DHPP.

"O suspeito e testemunhas foram ouvidos e a autoridade policial solicitou informações junto às empresas que administram as redes sociais por onde circularam as denúncias", diz uma nota enviada à reportagem na quarta (17).

O influenciador, por sua vez, diz que está sendo vítima de uma articulação criminosa ao ser acusado por internautas de pedofilia. Em um longo texto publicado em seu Instagram, ele disse que jamais cometeu ou cometeria o crime e que passou por um dos piores momentos de sua vida ao ter seu nome envolvido na acusação.

"Recebi uma série de mensagens, acusações, xingamentos, minha família foi atingida, meu psicológico enormemente abalado. Como vocês podem notar, ao ponto de eu não conseguir me pronunciar por vídeo -o que devo fazer quando eu estiver reestruturado. Vocês não têm ideia de como foram minhas últimas 24 horas", afirmou ele.

A suposta conversa de PC Siqueira foi publicada no dia 10 de junho pelo "Exposed Emo" no Twitter, o mesmo perfil que revelou mensagens trocadas pelo baterista do CPM 22, Japinha, com uma menor de idade.

Nas imagens da conversa, via mensagem direta no Instagram, o influenciador teria escrito a um amigo não identificado que recebeu fotos de uma criança de 6 anos de idade nua. Ele teria enviado a imagem ao amigo -mas teria cancelado o envio em seguida, segundo as mensagens.

O perfil do influenciador também teria dito, na troca de mensagens, que a mãe da criança teria enviado as imagens para ele, e seu amigo responde que "é mais excitante a mãe fazer isso [do que as fotos em si]", ao que PC teria respondido: "sim, de fato".

Siqueira afirmou que o vídeo é uma "mentira escancarada e grotesca". "Se formos prestar atenção nesse vídeo asqueroso, ele leva 1 minuto e 31 segundos para o relógio do celular mudar! Nem esse cuidado os falsificadores tiveram. Além disso, o símbolo de verificação tem um espaçamento diferente do verdadeiro. Está tudo ali, para quem quiser ver. A operadora da suposta linha do vídeo é pré-paga dos Estados Unidos. O celular é um Samsung e está gravando a tela de um iPhone. Enfim, são muitas evidências que demonstram a falsificação mal feita. A mais importante delas é que não sou eu", afirmou.

Comentário do usuário
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.