'Nossa Senhora veio me visitar', disse padre de Rio das Pedras, que morreu neste domingo, vítima da Covid-19

Portal de Notícias 18/06/2020 Relatar Quero comentar

A Paróquia São João Batista, em Rio das Pedras, está de luto. Morreu hoje, aos 54 anos, o padre Marcos Vinício Miranda Vieira, mais uma vítima da Covid-19, após 55 dias de internação. O que chama atenção é seu relato ainda no hospital: o pároco afirmou ter sido visitado por Nossa Senhora.

A história foi publicada no facebook do Cardeal Arcebispo Orani Tempesta. Ele conta que Padre Marcos Vinício foi hospitalizado, chegando a ser entubado e levado ao coma induzido. No dia 31 de maio, ele acordou ao meio-dia, dizendo: “Nossa Senhora veio me visitar”. Nesta semana, na fase de recuperação, segundo o Cardeal Arcebispo, o padre fez um vídeo, agradecendo a todas as pessoas que dobraram os joelhos, incessantemente, pela sua cura, e pelo carinho dos médicos e profissionais da saúde. “O que é a fé? Na prática, é um milagre. O impossível pode acontecer na vida, porque para Deus nada é impossível. Quando fui levado ao coma, eu entreguei a minha vida e meu serviço ao Senhor”.

Nomeado primeiro pároco, padre Marcos Vinício estava à frente da Paróquia São João Batista desde o dia 21 de junho de 2011, quando foi erigida por Dom Orani. A paróquia está situada na região de Jacarepaguá, marcada com muitas diferenças sociais e caracterizada pela presença de imigrantes do Nordeste brasileiro.

“Agradecemos a vida e a disponibilidade do padre Marcos Vinício, e o colocamos nas mãos de Deus para que acolha, na eternidade, esse bravo guerreiro, um homem de Deus, que muito fez pela Igreja", disse o Cardeal Orani João Tempesta.

Comentário do usuário