Bia Gremion lembra gordofobia: 'Amigas magras eram tratadas de outra forma'

Amélia 16/07/2020 23:48 Relatar

A influenciadora e modelo Bia Gremion, de 23 anos, conta que percebe, hoje, que há mais espaço na moda para pessoas gordas — mas nem sempre foi assim.

Em entrevista à Capricho, ela falou sobre a luta contra a gordofobia, especialmente durante a infância e a adolescência:

"Eu percebia que minhas amigas magras eram tratadas de outras formas, desde o carinho dos professores até dos namorados da escola. Tanto da minha família, que sempre me trouxe opções de emagrecimento, dietas e nutricionistas, quanto fora de casa. A falta de empatia permeia muito o corpo gordo", conta. "Na minha cidade, tinha apenas uma loja plus size e era bem caro para o meu padrão, então eu tinha uma calça no meu guarda-roupa e, quando rasgava, precisava comprar outra. Eu já deixei de sair porque não tinha o básico."

Bia conta que o contato mais próximo com o feminismo e com a moda foram fatores essenciais para ajudá-la a amar mais o próprio corpo. O trabalho como modelo, por sua vez, ajuda a colocar em prática deu discurso de positividade corporal:

"Eu mostro que é possível para eu fazer tanto quanto uma garota magra. A moda diz que não, mas eu provo que sim. Nosso corpo tem caimento, movimento. A minha profissão é extremamente ligada a um cunho político dentro do meu nicho", disse.

Parte do conteúdo do artigo é proveniente da Internet. Se seus direitos de privacidade forem violados, o site será processado o mais rápido possível. Relatar
Artigos recomendados

©2020 ouugame.com. All Rights Reserved. Sobre nós Política e segurança Termos Privacidade Direitos autorais

Isenção de responsabilidade:Este site opera enviando artigos em tempo real e não assume nenhuma responsabilidade legal pela autenticidade, integridade e posição de todos os artigos. O conteúdo de todos os artigos representa apenas as opiniões pessoais do autor e não é a posição deste Site. Os usuários devem julgar a autenticidade do conteúdo. O autor possui os direitos autorais do artigo publicado neste site. Como este site é restrito pelo modo de operação "publicação em tempo real", não podemos monitorar completamente todos os artigos. Se os leitores encontrarem problemas, entre em contato conosco. Este site tem o direito de excluir qualquer conteúdo e recusar qualquer pessoa a publicar artigos neste site e também o direito de não excluir o artigo.Não escreva palavrões, calúnia, violência pornográfica ou ataques pessoais, seja disciplinado. Este site reserva todos os direitos legais.
TOP
X
Relatar
Use um endereço de e-mail real. Se não pudermos entrar em contato com você, não poderemos processar seu relatório.