Mulher sai pra beber com amigas e deixa filhas trancadas em casa sem água e nem comida

Conectado Notícias 18/07/2020 Relatar Quero comentar

A Polícia Civil do Rio de Janeiro realizou uma operação em Nova Friburgo, Região Serrana do estado, na última quinta-feira (16), que culminou com a prisão de uma mulher, cuja identidade não foi revelada. Ela é acusada de abandonar as quatro filhas, com idades entre 6 e 13 anos, trancafiadas dentro de casa, sozinhas, sem comida e nem água.

Mulher foi detida e encaminhada para a delegacia mais próxima

O drama das crianças chegou ao fim após uma denúncia feita por policiais militares. Os agentes estavam em patrulha normal na região, quando se deram conta do possível caso de abandono, e emitiram alertas. Buscas foram feitas até que a suspeita foi identificada no centro da cidade de Nova Friburgo.

Ao chegar até a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam), onde prestou depoimentos, a mulher acusada disse que saiu de casa no dia anterior para procurar um novo imóvel para alugar, e que as filhas mas novas ficaram sob responsabilidade da mais velha, de 13 anos. Ela ainda admitiu que passou a noite anterior na casa de amigas ingerindo bebidas alcoólicas.

Crianças eram abandonadas sempre

A menina de 13 anos, deixada pela mãe como a responsável pelas outras duas irmãs, disse que esta não é a primeira vez que o abandono acontece. Na verdade, a mãe costuma deixar a casa com frequência, retornando apenas no dia seguinte. A mesma pré-adolescente também é vítima em uma investigação de possível estupro.

A mãe, como não poderia deixar de ser, acabou sendo detida. Enquanto isso, a criança de dois anos foi enviada para os cuidados do pai. No caso das outras três irmãs, ainda não se sabe quem são os seus respectivos pais. Elas seguem sob os cuidados do Conselho Tutelar. A acusada responderá por abandono de incapaz.

Comentário do usuário